sábado, junho 22, 2024
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
InícioCyber SecurityQuadros de Referência de Ataques Cibernéticos: Uma Visão Geral

Quadros de Referência de Ataques Cibernéticos: Uma Visão Geral

Os quadros de referência de ataques, ou frameworks, são ferramentas conceituais utilizadas por profissionais de segurança para entender, analisar e defender contra ameaças cibernéticas. Esses quadros oferecem uma estrutura organizada para visualizar o ciclo de vida dos ataques, desde a infiltração inicial até o objetivo final do atacante. Neste artigo, discutiremos três dos quadros de referência mais populares e influentes: MITRE ATT&CK, The Diamond Model of Intrusion Analysis e a Cyber Kill Chain.

1. MITRE ATT&CK

O framework ATT&CK (Adversarial Tactics, Techniques, & Common Knowledge) desenvolvido pelo MITRE é uma matriz detalhada que descreve as táticas, técnicas e procedimentos (TTPs) que os adversários podem usar ao longo do ciclo de vida do ataque.

Características principais:

  • Baseado em comportamento: Ao invés de focar em assinaturas específicas, ATT&CK concentra-se no comportamento observável do atacante.
  • Matriz detalhada: O framework oferece uma visão detalhada dos TTPs, organizada por categorias, como acesso inicial, execução, persistência, entre outras.
  • Atualizado regularmente: Mantido pelo MITRE, a matriz é constantemente atualizada com novas descobertas e pesquisas.

2. The Diamond Model of Intrusion Analysis

O Diamond Model concentra-se em analisar intrusões e é fundamentado em quatro pontos principais que formam um diamante: adversário, capacidade, infraestrutura e vítima.

Características principais:

  • Foco na relação: O modelo destaca a relação entre o adversário, a capacidade do malware ou técnica utilizada, a infraestrutura empregada no ataque e a vítima.
  • Análise contextual: Ao entender o contexto ao redor de uma intrusão, os defensores podem adaptar suas defesas de maneira mais eficaz.
  • Modelagem de intrusão: Ajuda os analistas a entenderem intrusões complexas decompondo-as em componentes inter-relacionados.

3. Cyber Kill Chain

Desenvolvido pela Lockheed Martin, a Cyber Kill Chain descreve as etapas que os atacantes frequentemente seguem ao executar um ataque cibernético.

Características principais:

  • Etapas sequenciais: O modelo divide o ataque em etapas, desde a reconhecimento até a ação nos objetivos.
  • Identificação de brechas: Ao compreender cada etapa, os defensores podem identificar e bloquear ataques em pontos específicos ao longo da cadeia.
  • Modelo linear: Ao contrário de outros quadros de referência, a Cyber Kill Chain é geralmente considerada linear, o que pode não cobrir ataques mais complexos ou cíclicos.

Conclusão

Os quadros de referência de ataques oferecem valiosas perspectivas para a comunidade de cibersegurança. Ao entender os princípios por trás do MITRE ATT&CK, The Diamond Model e da Cyber Kill Chain, os profissionais podem desenvolver estratégias de defesa mais robustas e eficazes. Cada framework tem suas particularidades e benefícios, e a combinação deles pode proporcionar uma visão holística e abrangente das ameaças e como mitigá-las.

RELATED ARTICLES

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

mais populares

comentários mais recentes